Sunday, May 31, 2009









NINGUEM TE AMA COMO EU


Tenho esperado este momento
Tenho esperado que viesses a mim
Tenho esperado que me fale
Tenho esperado que estivesses assim
Eu sei bem o que tens vivido
Sei também que tens chorado
Eu sei bem que tens sofrido
Pois permaneço ao seu lado

NINGUÉM TE AMA COMO EU
NINGUÉM TE AMA COMO EU
OLHE PARA A CRUZ ESTA É A MINHA GRANDE PROVA
NINGUÉM TE AMA COMO EU
NINGUÉM TE AMA COMO EU
NINGUÉM TE AMA COMO EU
OLHE PRA CRUZ
FOI POR TI POR QUE TE AMO
NINGUÉM TE AMA COMO EU

Eu sei bem o que me dizes
Ainda que nunca me fales
Eu sei bem o que tens sentido
Ainda que nunca me reveles

Tenho andado ao seu lado
Junto a ti permanecido
Eu te entrego em meus braços
Pois sou te melhor amigo
--P.Marcelo Rossi

6 comments:

Anita said...

Que tudo na tua vida seja claro como a luz do sol, livre como os pássaros... e abençoado por Deus!

Amiga uma letra maravilhosa.

Uma maravilhosa semana.
Beijos.
Fica bem. Fica com Deus!
Anita (amor fraternal)

O Repórter Alentejano said...
This comment has been removed by the author.
O Repórter Alentejano said...

Sorry, tive que "deletar" a versão anterior, pois o HTML tem "coisas" destas; a gente põe uma coisa e aparece outra!
Mas dizia eu sem palavras Ohhhhh! :-o ao ver as tuas fotos e o texto que escolheste...
Pronto... E assim tive que escrever, tirando o "sentido" do comment que queria deixar.
Beijito, uma óptima semana.
O Repórter Alentejano.

Faria said...

Olá querida amiga Teresa Calcão.

Pois se nos referimos à vida e à natureza que nos deu e nos tem, também posso e devo dizer:
"Ninguém te ama como eu..."
E para ti amiga, traria de Resendo com muito gosto um cacho ou ramo carregadinho de cerejas para colocares nesta tua nova foto a servirem de brincos, tal como o faziamos em criança, para materes a graça e a frescura com que te apresentas, nesta foto de ao nascer ou por do sol.
Por muito que mudes de fotos, continuas bonita tal como na amizade.
E eu por cá, vou acompanhando e tentando ser humano, social, solidário, associativista e firme, com a maleita num familiar a sombrear-me o pensamento.
Mas tudo na nossa existência são lições de vida. Desta... porque não haverá outra aqui, para além desta.
Saibamos aproveitar o momento e agradecer por tudo quanto veslumbramos e vivemos.

Beijos de amizade e saúde sorridente para todos quantos preenchem o teu mundo.

Ana said...

A tua amiga anda a umas lindas horas por aqui já viste? De que vale deitar-me cedo? Mas enfim estou pior do que alguns bebés já nem sei quando é de noite e quando é de dia.
Mas vou voltar para a caminha, até foi uma terapia vir aqui a esta hora no silencio e ler estas palavras que me vão ajudar a ultrapassar.
Obrigada querida, por seres tão especial!
Gosto muito de ti, não me canso de dizer, até podes achar que estou deprimida, mas não felizmente, as noites é que são mais difíceis para mim, sempre foram e sou positiva como sabes, mas ninguém sabe o instante seguinte e neste é o que penso.
Um grande beijinho.

Fontez said...

fé e coragem.

bj grande.